Postagens Populares

Leia mais →
além disso, tenho encontrado em meu caminho alguns originais bem desfigurados, nos quais tudo é insuportável, sobretudo as provas de amizade...
Posted by : Jana Ross
1 Comentário(s)

Leia mais →
lua --------------- você percebe que já viu o bastante. apanha a pá de lixo, e fecha os olhos porque os cacos de lua brilham muito. o v...
Posted by : Jana Ross
3 Comentário(s)

Leia mais →
tudo se anima, tudo fala. idem post anterior.
Posted by : Jana Ross
1 Comentário(s)

Leia mais →
capítulo 1 - paisagem morta 1. o inverno desatava as madeixas emperladas de gelo, 2. tão triste que magoava o coração e despert...
Posted by : Jana Ross
0 Comentário(s)

Leia mais →
um segredo épico que subestimava sua sensatez. render-se? oh deus!
Posted by : Jana Ross
1 Comentário(s)

Leia mais →
clarividência: está claro muito claro que a escuridão dos dias se aproxima
Posted by : Jana Ross
3 Comentário(s)

Leia mais →
o canto dos inaudíveis. é para vós, inacessíveis, pois que são intransmíssveis, volupiosas vozes, copiosamente impassíveis, que...
Posted by : Jana Ross
0 Comentário(s)

Leia mais →
da ausência da paisagem dos dias de tanto esperar que secasse ao sol da meia-tarde a hidratação de suas alucinoses esquentou a cabeça ...
Posted by : Jana Ross
0 Comentário(s)

Leia mais →
a morte da água eu penso na miserabilidade dos homens e na morte da água. da água jumenta. miserable em inglês, tem uma conotação for...
Posted by : Jana Ross
2 Comentário(s)

Leia mais →
frodo disse que eu era impulsiva. era não, sou. mas hoje me percebo expansiva. isso talvez seja e seja pior mesmo. me en...
Posted by : Jana Ross
0 Comentário(s)

Leia mais →
ágio. quase purgações a sharon morreu. foi encontrada por um primo na calçada quando vinha para casa. chegando aqui, falou à mãe sobre, qu...
Posted by : Jana Ross
1 Comentário(s)

Leia mais →
o fruto do eu. ego has short warm a r m s a big _______________________________________________________________noise and a ...
Posted by : Jana Ross
0 Comentário(s)

Leia mais →
observo o motorista que para todos que entram no ônibus diz: bom dia! boa tarde! a primeira vez foi no horário de sete da manhã. ele se...
Posted by : Jana Ross
0 Comentário(s)